F1: Vettel domina, mas escorrega na última volta e dá vitória a Button

O grande nome dessa corrida no Canadá foi a chuva, que só deu trégua na parte final da corrida que por causa dela ficou interrompida por aproximadamente duas horas. O alemão Sebastian Vettel dominou a corrida como de costume, porém atrás dele a troca de posições foi intensa entre Felipe Massa, Mark Webber, Fernando Alonso, Lewis Hamilton e Jenson Button.

O brasileiro Felipe Massa fazia uma boa corrida, esteve entre as tres primeiras colocações o tempo todo, porém acabou se enroscando com Kobayashi quando a corrida foi retomada e a pista já estava secando, obrigando-o a parar para trocar o bico e consequentemente caindo para dácima primeira colocação naquele momento, porém teve tempo para reagir e fez uma chegada emocionante lado a lado com o japonês Kobayashi, ganhando por menos de um bico de diferença.

Lewis Hamilton continua com sua péssima fase e arrumando confusão a cada corrida, e nessa não foi diferente, saiu da corrida em uma batida com seu próprio companheiro de equipe na McLaren. Porém Jenson Button foi o grande destaque da corrida, onde mesmo com seis paradas nos boxes, devido a punição, acidente e troca de pneus, vôou quando a pista secou e na última volta já pressionando Vettel, viu o alemão escorregar e jogar a vitória em seu colo para assim coroar essa bela corrida que será lembrada por muito tempo.

Confira o resultado final do GP do Canadá:

1 – Jenson Button (ING/McLaren-Mercedes) – 70 voltas em 4h04m39s539
2 – Sebastian Vettel (ALE/RBR-Renault) – a 2s709
3 – Mark Webber (AUS/RBR-Renault) – a 13s828
4 – Michael Schumacher (ALE/Mercedes) – a 14s219
5 – Vitaly Petrov (RUS/Renault-Lotus) – a 20s395
6 – Felipe Massa (BRA/Ferrari) – a 33s225
7 – Kamui Kobayashi (JAP/Sauber-Ferrari) – a 33s270
8 – Jaime Alguersuari (ESP/STR-Ferrari) – a 35s964
9 – Rubens Barrichello (BRA/Williams-Cosworth) – a 45s100
10 – Sebastien Buemi (SUI/STR-Ferrari) – a 47s000
11 – Nico Rosberg (ALE/Mercedes) – a 50s400
12 – Pedro de la Rosa (ESP/Sauber-Ferrari) – a 1m03s600
13 – Vitantonio Liuzzi (ITA/Hispania-Cosworth) – a 1 volta
14 – Narain Karthikeyan (IND/Hispania-Cosworth) – a 1 volta
15 – Jerome D’Ambrosio (BEL/MVR-Cosworth) – a 1 volta
16 – Timo Glock (ALE/MVR-Cosworth) – a 1 volta
17 – Jarno Trulli (ITA/Lotus-Renault) – a 1 volta
18 – Paul di Resta (ESC/Force India-Mercedes) – a 3 voltas/acidente

Não completaram:

Pastor Maldonado (VEN/Williams-Cosworth) – a 9 voltas/mecânico
Nick Heidfeld (ALE/Renault-Lotus) – a 15 voltas/acidente
Adrian Sutil (ALE/Force India-Mercedes) – a 21 voltas/acidente
Fernando Alonso (ESP/Ferrari) – a 34 voltas/acidente
Heikki Kovalainen (FIN/Lotus-Renault) – a 42 voltas/mecânico
Lewis Hamilton (ING/McLaren-Mercedes) – a 63 voltas/acidente

Próxima etapa: 26/06 – GP da Europa, em Valencia, na Espanha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *